ANPG contribuindo com o SOS Enchente Acre

Campanha foi iniciada para ajudar vítimas das enchentes no estado. Número de bairros atingidos em Rio Branco já soma 53
Nas ultimas semanas diversas cidades do Estado do Acre vem sofrendo com a enchente dos rios, fazendo com que centenas de pessoas fossem obrigadas a deixar seus lares. Esta semana a alagação chegou a capital acreana de forma assustadora.
Na última semana, a capital Rio Branco ultrapassou a maior enchente já registrada, que aconteceu em 1997, quando o Rio Acre chegou 16,67m. Hoje a cidade vive um pesadelo onde após ultrapassar os 18,30m vem acumulando 53 bairros atingidos, 24,713 edificações afetadas, das quatro pontes de acesso tendo três interditadas e 86,937 pessoas atingidas ou seja quase um terço da população vem sofrendo diretamente. Todas as escolas e universidades suspenderam as aulas em virtude do estado de calamidade pública decretada na cidade.
A população que não foi afetada pela alagação diariamente vem saindo de suas residências com uma ação solidaria para contribuir de forma voluntaria nas cozinhas dos abrigos, realizando trabalhos com as crianças e no transporte dos bens dos familiares atingindo.
Estamos vivendo um pesadelo e necessitamos da contribuição de todos e todas as estas milhares de famílias atingidas. Convidamos as nossas entidades dos movimentos sociais a fazerem parte desta campanha em contribuir com a mobilização e divulgação de nosso anseio.
Foi iniciada uma grande campanha SOS ENCHENTES ACRE, para ajudar os desabrigados pela enchente dos rios acreanos, o movimento Acre Solidário recebeu apoio da Diocese de Rio Branco, que cedeu sua conta do Banco Brasil para receber doações em dinheiro. Depósitos de qualquer quantia podem ser enviados para conta corrente 500-2, agencia 0071-X, Banco do Brasil.
Giovanny Kley Silva Trindade
Presidente da N’ativa
Secretário Nacional de Juventude da UNEGRO

CONVERSATION

0 comentários: